Alunos do IFGW são premiados em congresso brasileiro de Física Médica


Alunos dos professor Rickson Mesquita, pesquisador do CEPID BRAINN, são premiados na principal reunião científica de Física Médica do Brasil.

12 de setembro de 2017     Divulgação

Três alunos do Instituto de Física Gleb Wataghin (IFGW) da UNICAMP tiveram seus trabalhos premiados no XXII Congresso Brasileiro de Física Médica (CBFM), a principal reunião científica de Física Médica do Brasil. O congresso ocorreu entre os dias 6 e 9 de setembro na cidade de Ribeirão Preto (SP), e contou com mais de 650 participantes de dentro e fora do Brasil.

Os alunos de pós-graduação do IFGW Sérgio Luiz Novi Junior e Rodrigo T. Massera foram premiados pelo melhor poster apresentado em suas respectivas áreas de conhecimento, Biofísica & Física Molecular e Radiodiagnóstico, respectivamente. Massera se formou em Física e Astronomia pela USP, e atualmente faz seu mestrado junto ao grupo de Física Radiológica Médica, orientado pela Profa. Dra. Alessandra Tomal. Já Novi Jr. se graduou em Física (bacharelado) na UNICAMP e ingressou diretamente no doutorado, sendo orientado pelo Prof. Dr. Rickson C. Mesquita (pesquisador do CEPID BRAINN). Além dos dois, o aluno de graduação em Física Biomédica, Giovanni Hering Scavariello, também orientado por Mesquita, recebeu a premiação de melhor poster apresentado no CBFM, na área de Materiais e Sensores.

 

OS TRABALHOS VENCEDORES
O trabalho de Sérgio Novi premiado foi o “Development of novel methods to investigate the brain at rest” (em português, “Desenvolvimento de novos métodos para investigar o cérebro em repouso“). O estudo apresenta uma nova forma de contabilizar estatística de grupos de indivíduos baseada na frequência de contagem, ao invés de médias entre voluntários.

Já o trabalho de Giovanni Hering foi o “Development of optical sensors for ICU monitoring” (“Desenvolvimento de sensores ópticos para monitoramento na UTI“), que apresenta e valida um processo de criação de sensores ópticos para medidas em pacientes da UTI baseado em impressora 3D.

premiacao congresso fisica - alunos rickson mesquita brainn

 

Por fim, a ex-aluna de Física Médica do IFGW, Ana Paula Marques, também foi homenageada com o melhor trabalho apresentado na área de Medicina Nuclear. Marques se formou em Física Médica no IFGW, e atualmente faz Mestrado na Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP.

Todos estes resultados só ratificam o IFGW como uma das referências em pesquisas de Física aplicada à Biologia e Medicina no Brasil. Parabenizamos todos os envolvidos pelo esforço, dedicação e reconhecimento à pesquisa.

Originalmente publicado em ‘Portal IFGW’

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *